Você sabe onde fica o clitóris?

O que você precisa saber sobre o clitóris

Você sabe onde fica o clitóris? Conheça melhor como esse órgão funciona, de que maneira pode ser melhor estimulado e sua importância para o prazer feminino.

Por que é importante saber onde fica o clitóris? Pois ele é um grande responsável pelo prazer feminino! Aliás, é um órgão que existe exclusivamente com essa função: a de oferecer prazer. Neste texto,falo um pouco mais sobre esse órgão tão importante!

Onde fica o clitóris

O clitóris fica na parte superior da vulva, um pouco acima do canal por onde sai o xixi, no topo do encontro entre os pequenos lábios. Lembrando que a vulva consiste nas partes externas da genitália e que a vagina é o tubo que conecta a vulva ao colo do útero.

O clitóris fica coberto pelo capuz, uma pele que cobre sua glande (ou cabeça), o chamado “botãozinho”, com cerca de meio centímetro (mas que, quando estimulado, pode aumentar de tamanho). Aliás, a glande do clitóris é a parte mais sensível do corpo feminino, com mais de 8 mil terminações nervosas. 

Só que o clitóris não fica restrito apenas à glande. Trata-se de um órgão maior, que se estende por mais centímetros atrás da vulva. É a parte que chamamos “corpos do clitóris”.

Prazer nas preliminares e com a penetração

Considerando que a glande (a parte que fica “para fora”, digamos assim) é a parte mais sensível do clitóris, as preliminares são, sim, importantíssimas para o prazer feminino. No entanto, a mulher pode também sentir prazer com a penetração, especialmente em posições que favorecem que o pênis toque a glande e também os corpos do clitóris.

E, assim como o próprio clitóris é diferente de pessoa para pessoa (tanto a glande clitoriana quanto seu prepúcio podem variar de tamanho), a melhor forma para estimulá-lo também depende de mulher para mulher. Por isso é tão importante que você se toque para conhecer o próprio corpo e também o que funciona para você – o mesmo vale para posições sexuais: experimente diferentes combinações.

Ficou alguma dúvida? Pergunte por aqui ou no meu Instagram – @dr.rodrigoferrarese

Um beijo,

Dr. Rodrigo

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *